sábado, 4 de maio de 2013

6 comentários :

  1. Um faraó nunca deixava seu cabelo ser visto.Ele sempre usava uma coroa ou um toucado chamado nemes.O nemes mais famoso talvez seja o que está representado da máscara mortuária de tutacâmon.Rafaella.

    ResponderExcluir
  2. Em seus últimos anos, Lutero mostrou-se radical em suas propostas contrárias aos judeus alemães, tendo sido inclusive considerado posteriormente um antissemita. Essas e outras de suas afirmações fizeram de Lutero uma figura bastante controversa entre muitos historiadores e estudiosos.3 Além disso, muito do que foi escrito a seu respeito sofre da reconhecida parcialidade resultante de paixões religiosas.: Pedro Andrade Da Silveira

    ResponderExcluir
  3. EU GOSTO DA MATÉRIA DE ROMA.O ADELINO É GENTE BOA.

    ResponderExcluir
  4. A reforma religiosa é um movimento que rompeu a unidade do cristianismo.
    Isso ocorreu porque os membros da Igreja estavam abusando seu poder, vendendo terras, exigindo dos fiéis dízimos cada vez maiores e até mesmo vendendo relíquias sagradas, aumentando de forma muito significativa seu poder aquisitivo.
    Com essa postura, os fiéis, reis (que buscavam a ascensão real), cleros mais humildes e a burguesia (inclusive esta, que visava o aumento do seu poder) ficaram insatisfeitos, causando assim reformas religiosas, mudando totalmente o sistema econômico, cultural e social do Estado.
    Outro fator que contribuiu para as reformas religiosas foi o Renascimento, que “refletiu o desenvolvimento de uma nova mentalidade, caracterizada pelo individualismo e pelo racionalismo e ao mesmo tempo permitiu o desenvolvimento do senso crítico, impensável até então, determinando um conjunto de críticas ao comportamento do clero”.

    ResponderExcluir
  5. Adelino,parabéns pelo blog,gosto muito de você e da matéria

    ResponderExcluir
  6. gosto muito das festas religiosas essa aula e muito interesante

    ResponderExcluir