quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

UEL - 2013

1- Leia o texto a seguir, escrito pelo Padre Antonil em 1711.

Os escravos são as mãos e os pés do senhor de engenho, porque sem eles no Brasil não é possível fazer, conservar e aumentar a fazenda, nem ter engenho corrente. E do modo como se há com eles, depende tê-los bons ou maus para o serviço. Por isso, é necessário comprar cada ano algumas peças e reparti-las pelos partidos, roças, serrarias e barcas. E porque comumente são de nações diversas, e uns mais boçais que outros e de forças muito diferentes, se há de fazer a repartição com reparo e escolha, e não às cegas.
No Brasil, costumam dizer que para o escravo são necessários PPP, a saber, pau, pão e pano. E, posto que comecem mal, principiando pelo castigo que é o pau, contudo, prouvera a Deus que tão abundante fosse o comer e o vestir como muitas vezes é o castigo, dado por qualquer causa pouco provada, ou levantada; e com instrumentos de muito rigor, ainda quando os crimes são certos, de que se não usa nem com os brutos animais...
(Adaptado de: ANTONIL, A. J. Cultura e opulência do Brasil por suas drogas e minas. 3.ed. Belo Horizonte: Itatiaia/Edusp, 1982. p.89. Coleção Reconquista do Brasil. Disponível em: <http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/bv000026.pdf>. Acesso em: 1 ago. 2012.)

a) Considerando o Período Colonial brasileiro, explique a afirmativa “Os escravos são as mãos e os pés do senhor de engenho”.
b) Qual a posição assumida pelo Padre Antonil frente ao tratamento dispensado aos escravos?
  
2- No contexto histórico das transformações ocorridas no século XIX, que envolveram questões da identidade nacional e da política, no Brasil, após a abdicação de D. Pedro I, ocorreu uma grave crise institucional. As tentativas de superação por meio das Regências provocaram uma série de revoltas como a Sabinada (BA), a Balaiada (MA) e a Cabanagem (PA).
A superação da crise, que coincidiu com o fim do período regencial, deveu-se à
a) antecipação da maioridade do príncipe herdeiro.   
b) consolidação da Regência Una e Permanente.   
c) formação e consolidação do Partido Republicano.   
d) fundação das agremiações abolicionistas.   
e) volta imediata de D. Pedro I às terras brasileiras.   
  
3- Embora a ideia de transformação seja uma característica da modernidade, nos períodos anteriores, na Europa, ocorreram diversas mudanças nos campos político, econômico, científico e cultural. Pode-se afirmar que, com o declínio do Império Romano na Europa Ocidental, constituíram-se novas relações sociais entre os habitantes desses territórios, momento que foi denominado pelos historiadores como Período Medieval.
Com relação a esse período, considere as afirmativas a seguir.

I. Carlos Magno libertou o seu império do poderio papal por intermédio de alianças militares realizadas com a nascente nobreza mercantil de Veneza.
II. Os camponeses possuíam o direito de deixar as terras em que trabalhavam e migrar para os burgos pelo acordo consuetudinário com os suseranos.
III. Os chefes guerreiros comandavam seus seguidores no Comitatus por meio de juramentos de fidelidade. Os nobres também realizavam esse pacto entre si.
IV. O grande medo da população era ocasionado pelas invasões de bárbaros, pelas epidemias e pela fome. A crença em milagres se propagava rapidamente entre a população.

Assinale a alternativa correta.
a) Somente as afirmativas I e II são corretas.   
b) Somente as afirmativas I e IV são corretas.   
c) Somente as afirmativas III e IV são corretas.   
d) Somente as afirmativas I, II e III são corretas.   
e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.   
  
4- Leia o texto a seguir.

A tecnologia tem sido o catalizador da mudança social desde antes do matemático grego Arquimedes demonstrar que a água pode ser levantada para irrigar um terreno ressecado acima de um fluxo de água, por meio de um mecanismo contínuo propulsor dentro de um tubo flexível. Contudo, ao mesmo tempo, a diferença entre os contemplados e os tecnologicamente carentes tornou-se um abismo. Para cada um que agora compra sua passagem de avião, trem e ingresso de teatro online, milhões ainda esperam pela eletricidade e por água limpa corrente.
(Adaptado de: JARDINE, L. Como a tecnologia afeta a transformação social. In: SWAIN, H. Grandes questões da História. Rio de Janeiro: José Olympio, 2010. p.255-259.)

a) Com base no texto, descreva duas características fundamentais da Revolução Industrial inglesa do século XVIII.
b) Discuta as relações entre desenvolvimento tecnológico e bem-estar social no mundo contemporâneo.
  
5-   O surgimento da bioética coincidiu com o clamor generalizado levantado pelos horrores da Segunda Guerra Mundial, reação que culminou com a Declaração Universal dos Direitos Humanos. O objetivo primordial da bioética se baseia no princípio humanista de afirmar a primazia do ser humano e defender a dignidade e a liberdade inerentes ao mero fato de pertencer à espécie.
(Adaptado de: BERGEL, S. Desafios da bioética. Planeta. ano 40, 472.ed., jan. 2012, p.70.)

O período a que se refere o texto envolve também a ruptura com a democracia pela República de Weimar, a qual foi engendrada pelas conjunturas políticas da Alemanha nos anos 30 do século XX. É nesse quadro democrático que se pode compreender a ascensão do Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães e a fundação do III Reich, criando um totalitarismo com faces eugênicas.
Com base no texto e nos conhecimentos sobre o totalitarismo eugênico, assinale a alternativa que apresenta, corretamente, os eventos que comprovam essa prática.
a) A capitulação da Alemanha, a independência das nações africanas e a perseguição aos arianos.   
b) A nacionalização dos portos, o fim do corredor polonês e o Pacto Ribbentrop-Molotov.   
c) A ocupação da Áustria, o fortalecimento dos bancos públicos e o antifascismo.   
d) A tomada de Paris, a invasão da URSS e a libertação dos Sudetos.   
e) As Leis de Nüremberg, a Solução Final e a criação dos campos de extermínio.   













6- A figura acima se insere em um momento histórico marcado por inúmeras transformações científicas, tecnológicas e culturais.
Com base nessas transformações e nos conhecimentos sobre cultura e ciência na Idade Moderna, considere as afirmativas a seguir.

I. A imprensa de tipos ou caracteres móveis restringiu a disseminação das informações científicas e culturais por meio da censura realizada pelo aparato estatal.
II. Por meio do ensino do latim e da autorização da interpretação dos dogmas pelos fiéis, a Igreja Católica disseminou os conhecimentos bíblicos para a população.
III. O método científico baseado na experiência, na observação e na verificação buscou as regularidades, estabelecendo certezas científicas sobre a natureza.
IV. Os Bizantinos e os Islâmicos preservaram os valores clássicos da cultura greco-romana, e o antropocentrismo constituiu-se em um modelo de proporções exatas.

Assinale a alternativa correta.
a) Somente as afirmativas I e II são corretas.   
b) Somente as afirmativas I e IV são corretas.   
c) Somente as afirmativas III e IV são corretas.   
d) Somente as afirmativas I, II e III são corretas.   
e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.   
 
Gabarito:  

Resposta da questão 1:
 a) O candidato deve relacionar a noção de que os escravos são as mãos e os pés dos senhores de engenho com os trabalhos na propriedade rural, do plantio ao fabrico do açúcar. Isto é, constituem as bases fundamentais da economia colonial.
b) Em relação ao tratamento dispensado aos escravos, Antonil observa que, embora seja recomendado que se empreguem os PPP, muitas vezes os castigos são mais abundantes que a vestimenta e a alimentação, ou seja, Antonil indica o desequilíbrio no tratamento dado aos escravos. Em outras palavras, recomenda aos senhores que castiguem os escravos na “medida correta”, sem exageros.  

Resposta da questão 2:
 [A]

[A] Correta. A crise regencial só foi resolvida após a Campanha da Maioridade, na qual o príncipe herdeiro, Pedro de Alcântara, teve a autorização para assumir o trono, mesmo não tendo a maioridade legal.
[B] Incorreta. A posse de Pedro de Alcântara, ou Dom Pedro II, pôs fim às crises do período regencial e à ideia de regência.
[C] Incorreta. A formação do partido Republicano ocorre em meados do século XIX e sua consolidação, no final do século, não havendo aspirações republicanas formais no início do Segundo Império.
[D] Incorreta. A fundação das agremiações abolicionistas se deu em meados do século XIX, sobretudo após as limitações do tráfico negreiro pelos ingleses.
[E] Incorreta. D. Pedro I permaneceu em Portugal, sendo declarado Rei sob o Título de Dom Pedro IV.  

Resposta da questão 3:
 [C]

[I]. Incorreta. Carlos Magno estabeleceu aliança com o poder papal, consolidando o seu reino. Não houve alianças com a nobreza mercantil de Veneza.
[II]. Incorreta. Os camponeses ou servos de gleba estavam ligados à terra que cultivavam, sem ter o direito de deixá-las.
[III]. Correta. Os laços de vassalagem se realizavam por meio dos juramentos de fidelidade entre senhores e seus respectivos servos e entre senhores. Os seguidores dos chefes guerreiros comandavam o grupo denominado de Comitatus.
[IV]. Correta. As invasões de bárbaros ocasionavam um elevado temor à população, bem como as epidemias e a fome. No período, as crenças em milagres se difundiam em elevada escala entre a população, devido à atuação da Igreja.  

Resposta da questão 4:
 a) Sobre a revolução industrial, o candidato deve articular uma resposta que aponte suas características: o surgimento da manufatura, a urbanização, o surgimento do proletariado, o surgimento da indústria de bens de consumo, a expulsão do homem do campo, o cercamento das terras, a exploração do trabalho assalariado.
b) Espera-se que o candidato articule uma reflexão demonstrando como o desenvolvimento tecnológico pode contribuir para o desenvolvimento humano e até mesmo para a preservação ambiental. Essas tecnologias não estão, contudo, disponíveis para todos, o que reforça a desigualdade existente. Em suma, o candidato deverá argumentar sobre os aspectos contraditórios das relações entre desenvolvimento tecnológico e bem-estar social.  

Resposta da questão 5:
 [E]

[A] Incorreta. A capitulação ou rendição alemã ocorreu em 1945 com a invasão soviética em Berlim. A independência das nações africanas foi um fenômeno da década de 70 do século XX, no episódio denominado “descolonização”. A perseguição aos arianos não tem fundamento histórico.
[B] Incorreta. A nacionalização dos portos é uma denominação genérica às ações de nações como Japão, Brasil e Chile, que passaram a controlar seus portos no século XIX, controle antes feito pelas nações coloniais ou imperialistas. O fim do corredor polonês, ou seja, da área entre a Prússia Ocidental e a Oriental, esta em território polonês, só ocorreu com a libertação da Polônia no pós-guerra. O Pacto Ribbentrop-Molotov, estabelecido entre a Alemanha nazista e a União Soviética, foi um pacto de não agressão que culminou com a divisão da Polônia em áreas de influência germânica (Lituânia) e soviética (Finlândia, Estônia e Letônia).
[C] Incorreta. A ocupação da Áustria (Anchluss) pelos nazistas ocorreu em 1938 e não se relaciona com a política eugênica. O fortalecimento dos bancos públicos não se relaciona com os episódios ocorridos no período nazifascista. O nazismo é, em si, um fascismo, porém acrescido de ideias eugênicas. A luta contra os fascistas foi capitaneada pelos comunistas e pelos anarquistas.
[D] Incorreta. A tomada de Paris, um dos episódios mais traumáticos da Segunda Guerra, não se relaciona diretamente com a política eugênica do nazismo, tampouco a invasão da URSS. A libertação dos Sudetos é um episódio do pós-guerra, uma vez que a Alemanha nazista ocupou essa região tcheca de maioria alemã em 1938.
[E] Correta. As Leis de Nüremberg, a Solução Final e a criação dos campos de extermínio relacionaram-se com a decisão de aplicação de práticas eugênicas, as quais, mesmo antes da Conferência de Wansee, dissolveram casamentos entre arianos e não arianos, entre outras disposições. A Solução Final e a criação dos campos de extermínio, decididas em Wansee, preconizaram a proposta e o método de eliminação total dos judeus da Europa.  

Resposta da questão 6:
 [C]

[I]. Incorreta. A disseminação das informações foi propiciada pela criação da imprensa de tipos móveis e não houve um aparato estatal de cunho centralizador a estabelecer a censura. A censura tinha cunho religioso.
[II]. Incorreta. A Igreja Católica não ensinou a população em geral a ler e interpretar os seus dogmas; somente os membros do clero possuíam essas condições.
[III]. Correta. O método científico moderno consiste na experimentação, na observação e no raciocínio lógico-matemático.
[IV]. Correta. A preservação da cultura greco-romana foi realizada pelos Bizantinos e Islâmicos. O modelo antropocêntrico foi utilizado para o cálculo que objetiva proporções exatas.  


0 comentários :

Postar um comentário